O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE OS TÍTULOS PÚBLICOS FEDERAIS
11 de abril de 2019
O QUE É UM CDB?
15 de abril de 2019

O QUE É UMA “IPO”?

“IPO” é uma sigla em língua inglesa para “Inicial Public Offering” que traduzindo, significa: Oferta Pública Inicial. Para entender melhor este conceito, vamos entrar rapidamente nas definições de Mercado Primário e Mercado Secundário. Bom, o Mercado Primário trata de ações (participação na propriedade da empresa) que são disponibilizadas ao mercado pela primeira vez. Já o Mercado Secundário, se incumbe de negociar ações já foram colocadas no mercado, o seu objetivo, então, é dar liquidez.

Você deve estar imaginando que uma IPO, por ser uma oferta pública inicial, é negociada no Mercado Primário, e é exatamente assim que acontece. Vamos entender então , todo o ciclo de uma ação: quando uma empresa decide emitir ações (abrir capital), ela faz uma oferta pública inicial (através do Mercado Primário) e os interessados, podem então, comprar aquelas ações, e ao fazer isso o investidor passa a ser acionista da companhia. Mas, e se esse acionista quiser se desfazer dos papéis que comprou? É aí então que entra o mercado secundário, lá, é possível vender ações e então dar liquidez ao ativo. A partir daí, as ações da companhia passam a ser negociadas exclusivamente neste mercado.

Como o mercado costuma ser entusiasta de expressões em inglês aí vai mais uma pra você saber: “Underwriting”, que traduzindo significa: Subscrição, e este é o nome dado a este é o nome dado ao processo feito pelas empresas através de uma “Inicial Public Offering”, que nada mais é do que um processo de subscrição.

No processo de Oferta Pública Inicial, existe uma etapa, chamada de “Bookbuilding”, que é o nome dado a parte do processo onde são feitas consultas ao mercado ou a eventuais interessados para a formação do preço justo da ação.

WhatsApp Atendimento